Google+ Followers

Google+ Followers

quarta-feira, 29 de janeiro de 2014

Jupiter retrogado em 2013 e 2014, e os periodos históricos de revolução

                                                                                 Muito se tem escrito sobre o Planeta Júpiter  ser o Planeta regente do ano de 2014, eu pessoalmente considero Júpiter de grande importância, especialmente nos perdidos de retrogadação.

Júpiter está por cada ano cerca de 4 meses em retrogadação,  fazendo as contas a cada 83 anos Júpiter volta á mesma posição, isto é faz o mesmo desenho no céu.

Neste ciclo de 83 anos Júpiter retrogrado  em caranguejo andou entre os graus 20 e 34 e o 10º       Do dia 7 de Novembro de 1847 a 6 de Março de 2014
      Do dia 8 de Novembro de 1930 a 7 de Março de 1931
      Do dia 7 de Novembro de 2013 a 6 de Março de 2014
      Do dia 6 de Novembro de 20196 a 5 de Março de 2097, Júpiter voltará ao signo de caranguejo por estar exaltado e retrogrado, amplia e muito as questões sociais, especialmente quando forma tensão com outros Planetas, como por exemplo o planeta Úrano, que se encontrava no signo de carneiro, como se estes ciclos que se repetem tem por fim renovar e dar sentido a novas estruturas sociais

Estes acontecimentos que marcaram o mundo, muito importantes como por exemplo no inicio de 1848 ocorreram uma serie de revoltas nos Países da Europa Ocidental, com o objectivo de serem feitas reformas sociais. Os anos anteriores foram marcados por uma economia insuficiente, com más colheitas
A década de 1930, ou simplesmente anos 30, foi o período de tempo entre 1 de Janeiro de 1930 e 31 de Dezembro de 1939. Foi uma das épocas (1936-1939). Nos Estados UnidosFranklin Roosevelt dá início ao New Deal, o plano de recuperação económica após a quebra da bolsa de Nova York, em 1929. Por isso, muitos que foram contemporâneos a esse período, a denominaram a pior década do século XX, já que começou com a Grande Depressão e terminou com a guerra.
Os movimentos totalitários começam a eclodir também em outros países europeus, com Mussolini na ItáliaSalazar em PortugalFrancisco Franco na Espanha e Stálin na União Soviética, além de Hitler na Alemanha, foi também o ano que Hitler ascendeu ao poder com uma coligação de outros partidos e a Alemanha conseguiu um rápido poder económico, com a ascensão do Nacional Socialismo ao poder.

2013 foi um ano difícil para Portugal e para o mundo, marcado com cortes de todo o género, e especialmente até Março de 2014, ainda vivemos períodos de grande revolução e renovação das principais estruturas de poder, com a consciência de que nada voltará a ser como dantes.


Jupiter e Úrano completam-se de uma forma impressionaste, e os eixos em destaque são sempre, porque Úrano demorá 84 anos a fazer um ciclo completo ao Zodíaco e os eixos a trabalhar pela humanidade são sempre os mesmos, porque no mesmo ano, transita por dois signos Caranguejo e Leão, sendo os planetas regentes a Lua e sol, de grande importância, tal como a casa 4-casa 10. a casa 5 e a casa 11.

O bem estar das Famílias (Lua, casa 4), o ascendente social e o modo como as pessoas vivem, estão sempre directamente relacionadas com o que podem criar de novo, com o sentido altruísta e humanitário.

Júpiter e Úrano estão directamente relacionados, com o Divino ,as recompensas Divinas para quem muda a sua estrutura social e nasce de novo e aceita uma filosofia de vida de acordo com o renascimento desses ideais, agora a caminho de uma sustentabilidade económica.

Júpiter exaltado no signo de Caranguejo as questões politicas e sociais, resultam sempre em grandes mudanças Históricas.

Analisando os principais aspectos de retrogadação de Júpiter e de Vénus também em movimento retrogrado verifica-se o ampliar de todas estas questões.

  • 12/de Agosto de 2013, 10° CA 27′: Júpiter ingressa na zona de retrogradação.
  • 6 de Novembro de 2013, 20° CA 31′: Júpiter retrógrado.
  • 6 de Março de 2014, 10° CA 27′: Júpiter directo.
  • 1 de Junho de 2014, 20° CA 31′: Júpiter deixa a zona de retrogradação.
Em parte deste período, Vénus também estará retrógrada:
  • 20 de Novembro de 2013, 13° CP 33′: Vénus ingressa na zona de retrogradarão.
  • 21 de Dezembro de 2013, 28° CP 59′: Vénus retrógrada.
  • 31 de Janeiro de 2013, 13° CP 33′: Vénus directa.
  • 4 de Março de 2014, 28° CP 59′: Vénus deixa a zona de retrogradarão.
  • 28 de Novembro de 2013, Júpiter forma uma oposição com Vénus e um trígono com Mercúrio, em Escorpião.
  • 12 de Dezembro de 2013, Júpiter forma o segundo trígno com Saturno, em Escorpião.
  • 8 de Janeiro de 2014, Júpiter forma a primeira quadratura com Marte, em Libra.
  • 22 de Abril de 2014, Júpiter forma a segunda quadratura com Marte, em Libra, retrógrado.
  • 24 de Maio de 2014, Júpiter forma o terceiro trígno com Saturno, em Escorpião, retrógrado.
 Os  trígnos  entre Júpiter e Saturno e a oposição com Vénus. Entre 21 de Dezembro de 2013 e 31 de Janeiro de 2014, os dois planetas  estavam retrógrado.
Tanto os EUA como os principais países da Europa, contam com fundos de assistência aos desempregados. Mas à medida que a proporção entre os empregados, que financiam o sistema, e os desempregados diminui, o sistema corre o risco de entrar i em colapso. A alternativa adoptada na Alemanha, na França e no Reino Unido foi elevar o valor pago para manter os fundos.que Portugal tem seguido com o aumento dos impostos.
Esses alinhamentos com os trignos trígnos entre Saturno e Júpiter, que tratam de boas soluções para os problemas apontados são de prever a muito custo um equilíbrio ainda que fraco do sistema económico
No princípio de Março, Júpiter retorna ao movimento directo, mas Saturno e Marte ficam retrógrado. Isto ocorre na mesma época em que Vénus deixa a zona de retrogradação. Mesmo que não ocorram mudanças visíveis, será nesta época que a economia conseguirá apresentar respostas concretas que as organizem (ao menos, até 10/2016). O Brasil, no entanto, só terá olhos para a Copa do Mundo. É bom ficar atento à medidas lançadas nesta época, que em outros períodos, poderiam se mostrar bastante impopulares.
No plano pessoal, avalie as Casas onde Saturno e Júpiter se encontram. O primeiro, apresenta um problema ou obstáculo a ser removido de seu caminho. O segundo, por meio de seus trígonos, aponta para as possíveis soluções. No período em que estiver retrógrado, você estará diante de uma oportunidade de rever as pessoas que podem lhe ajudar, particularmente aquelas com as quais você se encontra familiarizado. Ou ainda, oportunidades de fazer bons negócios ou expandir as suas possibilidades de progresso e crescimento. Eventualmente, pode despertar o desejo de voltar a estudar algo de cunho social e que possa de fato mudar a sua vida.
 O que  fará a diferença, será o seu grau de comprometimento, e não o quanto poderá pagar por suas mudanças.Terá de contar com a colaboração de  outras pessoas com as quais preferia manter apenas um contacto cordial. Lembre-se que qualquer trabalho realizado em equipe multiplica o tamanho dos resultados que você poderia alcançar individualmente. Marte e Saturno retrógrado estarão a lhe lembrar que sozinho(a), o seu alcance é limitado.
verifique ainda se há algum aspecto importante ocorrendo em seu mapa durante o período em que Júpiter se encontra na zona de retrogradarão. Considere especialmente os aspectos difíceis, como a conjunção, a oposição e a quadratura, pois mobilizam pessoas e acontecimentos importantes também em outras áreas de sua vida e individualizado esta época ainda mais.

Sem comentários:

Enviar um comentário