Google+ Followers

Google+ Followers

quarta-feira, 7 de setembro de 2016

Jupiter no signo de Balança, desde o dia 10 de Setembro de 2016 até ao dia 11 de Outubro de 2017, uma visão astrológica



 O Ingresso de Júpiter em Balança, na minha visão  astrológica vem activar e integrar os diferentes aspectos astrológicos nos doze signos, que ao longo deste artigo vou explicar.

 E tem inicio no Dia 10 de Setembro ,Júpiter ingressa no signo de balança, e vai estar no signo  até ao dia 11 de Outubro de 2017.
Na Mitologia grega 
O símbolo Gráfico do Planeta Júpiter representa a letra grega Zeta que designa o Deus Zeus.
Na mitologia enquanto Úrano era o DEUS do Panteão dos Deuses, Júpiter ou Zeus era considerado o rei dos Deuses do Olimpo.
Júpiter pelo seu enorme tamanho ocupa o centro dos astros que giram em torno do Sol. Júpiter rege portanto a lei estabelecida a legalidade e o progresso, a riqueza, o optimismo e a confiança. Na antiguidade deram-lhe o nome de grande benéfico, por isso mesmo. Sempre que as leis estabelecidas no Universo são cumpridas pelo homem ele beneficia e recompensa sempre os esforços para quem entende e se orienta pelas pelos sinais que o maior planeta do sistema solar emite para a terra.
Júpiter rege o signo de Sagitário e esta regência simbolizam a autoridade maior e o conhecimento filosófico avançado. Rege as a estrutura das leis e de como vivemos em sociedade, e também a filosofia as religiões que estruturas as crenças pelas quais nos orientamos como seres humanos a viver em sociedade.
Mas porque tem especial importância Júpiter a ingressar no signo de Balança no momento em que estamos a viver?
Júpiter a ingressar no signo de Balança e Saturno no signo Sagitário signo da  regência de Júpiter, Saturno activa e complementa o  tempo, da responsabilidade e da forma como as lições Kármicas são aprendidas aqui na terra, são os dois Planetas sociais que estão dando a máxima força e energia a todas as questões de:
Diplomacia, arte, cultura, estética, beleza, compromissos assumidos no amor e na afectividade e grande teste para toda a humanidade na criação de novas formas de criar um novo mundo.
O eixo de Balança, interage como o seu oposto, carneiro como se os deuses do Universo testassem o limite das grandes lutas que a humanidade atravessa, por meio do deus da guerra, Marte que nas iniciativas comandadas pelo seu signo Regente carneiro vão ter no seu oposto balança e o seu Planeta regente Vénus, e esse equilíbrio dos opostos vão interagir de uma forma mais acelerada e estruturada.
O por em prática todos os assuntos relacionados com o eu e os outros, a fé de Sagitário com Saturno em trânsito assume uma dureza especial de consciência de que nem tudo são rosas e é preciso aprender e dar forma a tudo o que se aprendeu, independentemente do karma individual de cada um.
Júpiter em Balança, Balança e a casa 7, funciona como um espelho, onde muitas vezes o que vemos refletido não corresponde á imagem que queremos refletir nos outros, é o teste onde temos que aprender a arte de amar as nossas ideias não dependendo do que outros digam ou façam, a ideia é sermos criativos, mas sem perdermos o sentido da individualidade, nos compromissos com os outros.
    Plutão, este arquitecto  que  actua cada vez mais fundo nessas raízes sociais do Universo com a “apertada agenda” a fazer a passagem pelo grau 16, 17, e 18 ao longo do período em que Júpiter transita em Balança. Colabora com os Planetas sociais Júpiter e Saturno, vai reestruturar especialmente tudo o que está relacionado, com todas as formas de arte, cultura, solidariedade e remodelação das antigas ideias em novas formas de ver o mundo, sentir, viver, amar.
Alem disso, Júpiter vai fazer as aspectos astrológicos a outros signos astrológicos, ele vai interagir com os doze signos do Zodíaco.
Independentemente da análise aprofundada dos Mapas individuais.   
Ele vai fazer aspecto se semi sextil,sextil, trigno, Oposição,  quadratura e Quincunces a todos os signos.
Relembro para quem sabe um pouco de Astrologia e explico para quem não conhece as energias dos diferentes aspectos astrológicos que ativam as energias que temos que compreender e integrar nas nossas vidas até Outubro de 2017.
- Os semi sextis, sextis e trignos, indicam energias favoráveis para resolver assuntos de memórias Kármicas relacionadas com o total do mapa Astrológico, indicam tensão profunda quando o conjunto do Mapa individual, indique trânsitos em aspeto de quadratura ou oposição especialmente com Vénus e Marte, que são os Planetas regentes do signo dos Signos de Balança e Carneiro ou aspectos tensos com os Planetas transpessoais Úrano, neptuno e Plutão.

 De uma forma diferente, mas com muito maior tensão as quadraturas e as oposições intensificam-se sempre que nos mapas individuais essas tensões se manifestem igualmente com Vénus, Marte e com os Planetas Transpessoais, mas assumem outra forma no plano do desenvolvimento pessoal.                                                                                                  Indicam desafios que são na prática do dia a dia mais fáceis de integrar quando o conjunto do mapa individual revela trignos.
Esta forte energia de Júpiter  vai estar na maior intensidade no signo de Balança, no eixo da casa relacionada com Carneiro e casa 7 com balança reflecte como um espelho  o eu e os outros.

Nos doze signos do zodíaco, as energias fundamentais são a polaridade do eixo de Carneiro e de Balança do eu e dos outros, assumindo especial importância nas pessoas que tenham o Signo ,o Ascendente ou a Lua nos aspectos de semi sextil, sextil, trigno, Oposição quadratura ou quincunce nos signos que vou referir.
O quincunce como ocorre em signos de energias antagónicas, diferente é sempre difícil de ser integrado.
       Balança fará no período que referi anteriormente aspecto de:
Oposição ao signo de Carneiro
Semi sextil ou aspecto de 30 graus aos signos de Virgem e Escorpião
Sextil ou aspecto de 60 graus aos signos de Leão e Sagitário
       Quadratura ou aspecto de 90 graus aos signos de Caranguejo e                Capricórnio

       Trígono ou aspecto de 120 graus aos signos de Aquário e gémeos
Quincunce  ou aspecto de 150 graus aos signos de Touro e Peixes.
Tanto o Sol que simboliza a consciência e o dador da vida, como o Ascendente por analogia com a casa 1 a casa astrológica do eu individual, casa natural de Carneiro como a Lua que se sintoniza com o Inconsciente colectivo, assume especial importância quando ativam as energias e os aspectos dos doze signos do zodíaco.
Por esse motivo é que é importante conhecermos a fundo o nosso mapa individual aprofundando o nosso tema de nascimento e as consultas de astrologia Kármica são como um guia que orientação e aconselhamento que orientam e dão luz no caminho compreendendo os períodos de tensão a fim de escolhermos melhor o caminho certo para a nossa evolução e desenvolvimento pessoal.
E de repente lembrei-me de uma frase muito assertiva. Conhece a verdade e a verdade te libertará e assim é quando e sempre que a leitura de um mapa astrológico seja feito com o conhecimento aprofundado e estudo de muitos anos da leitura correcta dos astros.
 A propósito da relação do amor, do serviço e do alinhamento total dos astros que indicam esse mesmo caminho, lembro-me de IOD, o mestre jedi da guerra das estrelas.
E è uma frase relacionada com o amor e com as energias que estamos vivendo, amar sem medo. O mestre Jedi da guerra das estrelas diz: “O medo é um caminho aberto para o lado negro da força”
Que Júpiter até Outubro de 2017, desperte em todos que aceitam o desafio e a escolha de abrir caminho ao lado Luminoso da Força e integrem a amor, á arte, á cultura, á diplomacia, ás boas relações humanas aos contratos de: trabalho,Compromissos afectivos baseados no respeito de uns pelos outros porque afinal somos todos diferente e somos todos um, e quando nos olhamos ao espelho e vamos pesar a nossa Balança interior não precisamos de perder peso ou seja integrar melhor a nossa atitude perante os outros.

Que seja um ano em que Júpiter integre cada vez mais pessoas para o lado Luminoso da força, espelhando na Justiça divina com que DEUS se manifesta na terra. Por meio das relações humanas correctas.

Sem comentários:

Enviar um comentário