Google+ Followers

Google+ Followers

segunda-feira, 5 de janeiro de 2015

Dia 6 de Janeiro dia dos reis Magos na tradição cristã, dia dos astrólogos na comunidade astrológica

Dia 6 de Janeiro é comemorado o dia de Reis na tradição cristã, e o dia do astrólogo na comunidade astrológica, de facto os antigos tinham o dom de ler o céu de uma de uma  forma natural  orientavam-se e organizavam-se de acordo com os ciclos do tempo e aqui fica a história maravilhosa que se conta destes conselheiros considerados Reis pelos cristãos e astrónomos ou astrólogos pelos astrólogos.


Os Três Reis Magos, ou simplesmente Reis Magos ou Magos ( na tradição da religião cristã, são personagens que teriam visitado Jesus logo após o seu nascimento, trazendo-lhe presentes. Foram mencionados apenas no evangelho segundo Mateus onde se afirma que teriam vindo "do leste" para adorar o Cristo, "nascido rei dos Judeus". Como três presentes foram registados, diz-se tradicionalmente que tenham sido três, embora Mateus não tenha especificado seu número. São figuras constantes em relatos da natividade e nas comemorações do Natal .Melchior também chamado Melquior ou Belchior, Baltasar  e Gaspar, não seriam reis nem necessariamente três mas sim, talvez, sacerdotes da religião zoroastica da Pérsia ou conselheiros. Como não diz quantos eram, diz-se três pela quantia dos presentes oferecidos. Não há relatos bíblicos sobre o nome dos magos.
Talvez fossem astrólogos ou astrónomos, pois, segundo consta, viram uma estrela e foram, por isso, até a região onde nascera Jesus, dito o Cristo. Assim os magos sabendo que se tratava do nascimento de um rei, foram ao palácio do cruel rei Herodes em Jerusalém na Judeia. Perguntaram eles ao rei sobre a criança. Este disse nada saber. Herodes alarmou-se e sentiu-se ameaçado, e pediu aos magos que, se o encontrassem, falassem a ele, pois iria adorá-lo também, embora suas intenções fossem a de matá-lo. Até que os magos chegassem ao local onde estava o menino, já havia se passado algum tempo, por causa da distância percorridas, assim a tradição atribuiu à visitação dos Magos o dia 6 de Janeiro.
A estrela, conta o evangelho, os precedia e parou por sobre onde estava o menino Jesus. "E vendo a estrela, alegraram-se eles com grande e intenso júbilo" (Mateus 2:10). "Os Magos ofereceram três presentes ao menino Jesus: ouro, incenso e mirra, cujo significado e simbolismo espiritual é, juntamente com a própria visitação dos magos, ser um resumo do evangelho e da fé cristã, embora existam outras especulações respeito do significado das dádivas dadas por eles. O ouro pode representar a realeza (além providência divina para sua futura fuga ao Egipto, quando Herodes mandaria matar todos os meninos até dois anos de idade de Belém). O incenso pode representar a fé, pois o incenso é usado nos templos para simbolizar a oração que chega a Deus assim como a fumaça sobe ao céu (Salmos 141:2). A mirra, resina antiséptica usada em embalsamamentos desde o Egipto antigo, nos remete ao género da morte de Jesus, o martírio, sendo que um composto de mirra e aloes foi usado no embalsamamento de Jesus (João 19:39-40), sendo que estudos no Sudário de Turim encontraram estes produtos.
                                        Algumas teorias
Teoria 1 Uma conjunção planetária no dia 6 de Novembro do ano em que jesus nasceu, estava no céu muito próximos Vénus, Jupiter,Marte e mercurio, e eles apareciam pouco antes do sol nascer ao leste. Provavelmente os três reis magos seguiram a direcção dos planetas que formavam um grande brilho. A estrela teria aparecido e desaparecido no ceu, e estava muito próximo do horizonte, e mais importante, foi e voltou em relação a outras estrelas fixas. sabendo-se que os magos vieram do oriente, o planeta que começariam a seguir o mais brilhante era venus, marcando uma nova etapa de  desenvolvimento da humanidade, plantando assim naquela época conturbada a semente do amor incondicional.

Teoria 2- um cometa ou algo parecido, que no caso foi seguido pelos magos. Um cometa fica muito tempo no céu, e eles sempre foram associados a desgraças e más notícias, e tal teoria nunca teve sustentação possivel, até porque os astrónomos na época, nunca chamariam um cometa de estrela.

Teoria 3 Carl Sagan , pressupõe que se tratava de uma nova estrela ainda não catalogada pelos astrónomos

Teoria 4 Na bíblia astrológica de Ptolomeu, Jupiter no momento do nascimento do Cristo se encontrava na constelação de carneiro foi eclipsado pelo sol.

Seja como for e nas teorias que tem surgido uma mais credíveis do que outras aqui fica a maravilhosa história que se conta até aos nossos dias de um tempo em que a astrologia era um meio útil de expansão de consciência do homem na terra.

Bom dia dos astrólogos 




Sem comentários:

Enviar um comentário